Pin It button on image hover

Como Inserir Containers Dentro do Escritório de Forma Criativa


Algo me fascina quando um profissional pega um antigo edifício industrial e o transforma em algo totalmente novo. Foi exatamente isto que a empresa de arquitetura group8 fez em Genebra, na Suíça, em um prédio de 780 m² com nove metros de altura.

Para qualquer empresa é um grande desafio quebrar o paradigma da construção convencional, porque geralmente seguem-se alguns parâmetros e elementos da arquitetura e design. Mas como dar o exemplo e despertar a criatividade de seus colaboradores? Simples! Utilize grandes "caixas" metálicas, robustas e coloridas! Em prol de um melhor "salário ambiente", entra em cena o ator principal da Container SA: o container

Em um ambiente ricamente claro, abusando de cores brancas e brilhantes no piso, paredes, tetos e até nos móveis, existem nada menos do que 16 contêineres reciclados que viajaram o mundo e que dão um pouco de cor ao cenário. Externamente, a originalidade mantida. Internamente, o padrão da empresa. Os contêineres, alguns em balanço, permitiram não só um ganho estético, como também 200 m² a mais!

A finalidade dos monumentais equipamentos foi para ambientes coletivos. Cada container reaproveitado serve para uma aplicação: salas de reunião, cafeteria, lounge, banheiros, sanitários, etc. Um situação bacana é que o acesso aos contêineres superiores se dá por um mezanino e nele, os espaços entre dois contêineres também são utilizados como sala de reunião "aberta", mais informal. Outro aspecto interessante e até econômico é que os equipamentos estão em um prédio com climatização central, sendo assim, não precisam de revestimentos termo-acústicos, apenas um ar-condicionado portátil já "quebra o galho".

Para finalizar, costumo dizer que espaços amplos com um excelente pé direito é terreno fértil para usar e abusar de contêineres. Dicas de como utilizar um container e ganhar espaço em uma indústria, que vive brigando por valiosíssimos metros quadrados? Está aí uma ótima ideia!

Se gostou deste artigo, pode ser que se interesse por:


Clique nas imagens abaixo para ampliar e abrir o slide!






















Imagens: Régis Golay
Via: Plataforma Arquitectura e group8

Nenhum comentário:

Postar um comentário